• Corregedoria Regional do TRT-11 disponibiliza Manual de Expedição e Gerenciamento de Precatórios e Requisições de Pequeno Valor - RPV

    ManualA Corregedoria Regional do TRT da 11ª Região disponibilizou o Manual de Precatórios e Requisições de Pequeno Valor - RPV com o objetivo de auxiliar e orientar os servidores de varas na expedição e gerenciamento dos Precatórios e das Requisições de Pequeno Valor - RPV expedidos no âmbito deste TRT11, sem, contudo, dispensar a leitura da legislação pertinente e dos manuais oficiais afetos ao tema.

     O diferencial do manual é a abordagem esquematizada dos temas que mais causam dúvidas aos servidores, de acordo do que se depreendeu das correições ordinárias anuais promovidas nas unidades judiciárias de primeiro grau. Haverá, inclusive, atualizações constantes em seu conteúdo, caso haja necessidade.

     A leitura deste manual, em conjunto com a Consolidação dos Provimentos da Corregedoria do TRT da 11ª Região (ATO CONJUNTO N° 07/2022/SCR/SGP, de 29 de abril de 2022), irá permitir aos servidores de Varas uma visão geral das funcionalidades do Sistema GPrec, bem como fornecer-lhes ferramentas para o preenchimento do formulário de correição, para a regularização de pendências e para o fiel cumprimento das determinações lançadas em ata.

     Os tópicos do manual são:

    1. Apresentação.

     2. Lei de amparo específica x regra geral.

     3. Natureza do crédito.

     4. Renúncia ao valor que supera o teto da RPV.

     5. Inclusão de beneficiário que não está no polo ativo do processo no PJe de 1º grau.

     6. Autuação de RPV no Sistema GPrec.

     7. Prazo de pagamento de RPV.

     8. Inclusão/Registro de pagamento de RP no Sistema GPrec.

     9. RPV Parcialmente Paga.

     10. Lançamento de quitação de precatório e RPV no Sistema PJe.

     11. Alteração/Retificação de RP no Sistema GPrec.

     12. Exclusão/Cancelamento de RP no Sistema GPrec.

     13. Elaboração de Minuta de Ofício (precatório e RPV).

     14. Prazo de apresentação dos precatórios.

     15. Tabela-resumo das verbas que irão compor cada requisição de pagamento.

     O manual já está disponível na Biblioteca Digital, e pode ser acessado por meio do seguinte link.

    Texto: Secretaria da Corregedoria Regional
    Arte: Secretaria da Corregedoria Regional com a colaboração da Assessoria de Comunicação

  • Transmissão da Corregedoria - 18 e 19.05.2022

    A Corregedoria Regional comunica que em virtude do deslocamento à cidade de Brasília da Desembargadora Corregedora MÁRCIA NUNES DA SILVA BESSA, para participar da 4º reunião Ordinária do COLEPRECOR 2022, no período de 18 e 19-05-2022, a Desembargadora SOLANGE MARIA SANTIAGO MORAIS, Vice-Presidente do TRT da 11ª Região, no exercício da Presidência, encontrar-se-á no exercício da Corregedoria Regional, nos termos do art. 35, inciso II, do Regimento Interno, no período supracitado.

  • Ato Conjunto atualiza e sistematiza a Consolidação dos Provimentos da Corregedoria do TRT-11

    Arte predio sedeNa última quinta-feira (5/5), a presidente e corregedora em exercício do Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região - Amazonas e Roraima (TRT-11), desembargadora Ormy da Conceição Dias Bentes, assinou o Ato Conjunto n° 07/2022/SCR, que atualiza e sistematiza a Consolidação dos Provimentos da Corregedoria Regional. A publicação ocorre no Diário Eletrônico da Justiça do Trabalho (DEJT) desta sexta-feira (6/5).

    A Consolidação dos Provimentos da Corregedoria Regional destina-se ao disciplinamento de normas procedimentais aplicáveis no âmbito das Varas do Trabalho.

    Nos termos do Ato Conjunto n° 07/2022/SCR, é imperativa a compatibilização da atual Consolidação com a dinâmica legislativa e a própria mudança de práticas procedimentais, assim como a necessidade de inserção e sistematização de atos esparsos editados.

    Confira o teor do Ato Conjunto n° 07/2022/SCR clicando aqui.

  • Vara do Trabalho de Coari realiza Ações da Justiça Itinerante em Codajás

    coaricodajasCodajás recebeu ações da Justiça Itinerante

    O município de Codajás, distante 125 km de Coari e 240 km de Manaus, recebeu as ações da Justiça Itinerante entre os dias 21 e 25 de março. Realizada pela Vara do Trabalho de Coari, as ações foram conduzidas pela juíza do Trabalho Sâmara Christina Souza Nogueira, titular da VT de Coari. O deslocamento da equipe itinerante foi realizado pela via fluvial, levando, em média, três horas de viagem.

    A Vara do Trabalho de Coari recebeu o apoio local da Paróquia Nossa Senhora das Graças, que cedeu o Centro Social Irmã Serafina, situado no Centro de Codajás, para a realização das audiências. A paróquia também divulgou, na rádio rural e durante as missas realizadas, a presença da Justiça Itinerante na localidade. Durante as ações de itinerância em Codajás foram realizadas 83 audiências, resultando quatro acordos homologados, 13 desistências, 12 arquivamentos, 53 processos sentenciados e um processo adiado para o próximo período da Justiça Itinerante no município.

    Além das audiências, houve o cumprimento de dois mandados de citação e foram atendidos diversos jurisdicionados que procuraram a Justiça do Trabalho para obter informações sobre processos em andamento. Os acordos homologados durante a itinerância resultaram em R$ 1.950,00 pagos aos trabalhadores.

     

    Registros fotográficos

    VTC01

    VTC03

    VTC04

    VTC06

     

    CORREGEDORIA REGIONAL DO TRT 11
    Fotos: Vara do Trabalho de Coari

     
     
     
     
     
     
     
     
  • Transmissão da Corregedoria: 11 de abril a 8 de maio de 2022

    A Corregedoria Regional comunica que em virtude da fruição de Férias regulares da Desembargadora Corregedora MÁRCIA NUNES DA SILVA BESSA, no período de 11-04 a 08-05-2022 (RA 316/2021), a Desembargadora ORMY DA CONCEIÇÃO DIAS BENTES, Presidente do TRT da 11ª Região, encontrar-se-á no exercício da Corregedoria Regional, nos termos do art. 35, inciso II, do Regimento Interno, no período supracitado.

  • Justiça itinerante da 11ª Região volta aos trabalhos presenciais realizando audiências em Rorainópolis (RR) e em Codajás (AM)

    75Juiz Ney Rocha, titular da 1ª VT de Boa Vista, realizou audiências em Rorainópolis (RR)O Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região (AM/RR) deu início aos trabalhos da Justiça Itinerante no mês de março, após quase dois anos sem a realização de itinerâncias por conta da pandemia do coronavírus. O município de Rorainópolis, no interior de Roraima, e Codajás, no interior do Amazonas, foram os primeiros a receber os trabalhos da Justiça Itinerante em 2022.

    O Programa de Justiça Itinerante tem o objetivo de levar o atendimento da Justiça do Trabalho às cidades que não possuem sedes de varas trabalhistas, facilitando o acesso do trabalhador aos instrumentos legais de reivindicação de seus direitos. Em 2020, os trabalhos da itinerância foram iniciados em alguns municípios do interior do Amazonas, porém, em razão da pandemia e do Ato n° 16/2022 do TRT-11, todas as atividades presenciais foram suspensas, inclusive a itinerância, e somente agora foram retomadas, com os números da pandemia controlados.

    Rorainópolis

    A 1ª Vara do Trabalho de Boa Vista realizou, no período de 7 a 18 de março, ações da Justiça Itinerante no município de Rorainópolis, distante 360 km de Boa Vista, capital de Roraima. Os trabalhos foram conduzidos pelo titular da 1ª VT de Boa Vista, juiz Gleydson Ney Silva da Rocha, e equipe. O deslocamento foi feito por vias terrestres, levando em média 4,5 horas de viagem em veículo automotor.

    Com apoio local da Prefeitura de Rorainópolis, a 1ª VT de Boa Vista realizou audiências na Câmara do Município. Foram incluídos em pauta 68 processos. Todas as audiências previstas foram realizadas, com homologação de 10 acordos, quatro desistências, 22 arquivamentos, 22 processos sentenciados e 10 adiados para o próximo período da Justiça Itinerante. Os trabalhos desta itinerância garantiram o pagamento de R$45.001,00 em créditos trabalhistas.

    76Juíza Sâmara Nogueira, titular da VT de Coari, conduziu audiências em Codajás (AM)Codajás

    O município de Codajás, distante 125 km de Coari e 240 km de Manaus, recebeu as ações da Justiça Itinerante entre os dias 21 e 25 de março. Realizada pela Vara do Trabalho de Coari, as ações foram conduzidas pela juíza do Trabalho Sâmara Christina Souza Nogueira, titular da VT de Coari. O deslocamento da equipe itinerante foi realizado pela via fluvial, levando, em média, três horas de viagem.

    A Vara do Trabalho de Coari recebeu o apoio local da Paróquia Nossa Senhora das Graças, que cedeu o Centro Social Irmã Serafina, situado no Centro de Codajás, para a realização das audiências. A paróquia também divulgou, na rádio rural e durante as missas realizadas, a presença da Justiça Itinerante na localidade. Durante as ações de itinerância em Codajás foram realizadas 83 audiências, resultando quatro acordos homologados, 13 desistências, 12 arquivamentos, 53 processos sentenciados e um processo adiado para o próximo período da Justiça Itinerante no município.

    Além das audiências, houve o cumprimento de dois mandados de citação e foram atendidos diversos jurisdicionados que procuraram a Justiça do Trabalho para obter informações sobre processos em andamento. Os acordos homologados durante a itinerância resultaram em R$ 1.950,00 pagos aos trabalhadores. 

     

    ASCOM/TRT11
    Texto: Martha Arruda, com informação das varas trabalhistas.
    Fotos: 1ª VT de Boa Vista e VT de Coari.
    Arte: Renard Batista

  • Corregedoria Regional do TRT-11 realiza correição ordinária telepresencial na Vara do Trabalho de Eirunepé

    vt eirunepeA Corregedoria Regional do TRT da 11ª Região realizou, no dia 01 de abril de 2022, correição ordinária anual, na modalidade telepresencial, na Vara do Trabalho de Eirunepé. Os trabalhos correicionais foram conduzidos pela Corregedora Regional deste Tribunal, Desembargadora Márcia Nunes da Silva Bessa, acompanhada da equipe de servidores e servidoras da Corregedoria.

    Foram examinados os indicadores de desempenho, do acervo (ativos e arquivados), da movimentação processual, da gestão de Precatórios e Requisições de Pequeno Valor – RPV e de itens relativos ao quadro de pessoal.

    Da mesma forma foram objeto de exame as determinações/recomendações lançadas na ata correicional do ano de 2021, sendo ao final apresentado um quadro comparativo-conclusivo pós-correição.

    Cabe destacar, que mesmo após a realização da correição ordinária de 2021, a Corregedoria manteve contínuo o auxílio e a fiscalização das unidades correicionadas. O foco consistiu em acompanhar os trabalhos pós-correição e averiguar o grau de cumprimento das determinações estabelecidas em ata de correição, apresentando observações e orientações quanto às pendências identificadas para que o saneamento fosse providenciado pela unidade judiciária/administrativa.

    Assim, após a análise de todos os dados apresentados pela Vara durante a correição ordinária de 2022, foram realizadas reuniões entre a Corregedora Regional e o Juiz Titular responsável pela Vara, e entre a equipe de correição e os servidores e servidoras da unidade correicionada, para um feedback mais detalhado sobre as impressões verificadas e orientações lançadas em ata.

    A Ata de Correição foi lida na presença do Juiz Titular da VT de Eirunepé, Carlos Delan de Souza Pinheiro, do Diretor de Secretaria, Francisco Rômulo Alves de Lima, e da equipe de servidores e servidoras da unidade judiciária correicionada.

    Ao encerrar os trabalhos, a Corregedora Regional agradeceu a participação de todos e todas, a gentileza dispensada à equipe, ressaltando que a missão primeira da Corregedoria é de orientação, aperfeiçoamento e efetividade da prestação jurisdicional.

    A ata de correição já está disponível no sistema PJeCor, no DEJT e no portal da Corregedoria no site deste Tribunal.

     

    Texto e fotos: Equipe de Correição - Corregedoria Regional

  • Corregedoria Regional do TRT-11 realiza correição ordinária na 1ª Vara do Trabalho de Manaus

    1vtm1ª Vara do Trabalho de ManausA Corregedoria Regional do TRT da 11ª Região realizou, nos dias 24 e 25 de março de 2022, correição ordinária anual na 1ª Vara do Trabalho de Manaus. Os trabalhos correicionais foram conduzidos pela Corregedora Regional deste Tribunal, Desembargadora Márcia Nunes da Silva Bessa, acompanhada da equipe de servidores e servidoras da Corregedoria.

    Foram examinados os indicadores de desempenho, do acervo (ativos e arquivados), da movimentação processual, da gestão de Precatórios e Requisições de Pequeno Valor – RPV e de itens relativos ao quadro de pessoal.

    Da mesma forma foram objeto de exame as determinações/recomendações lançadas na ata correicional do ano de 2021, sendo ao final apresentado um quadro comparativo-conclusivo entre as correições ordinárias de 2021 e 2022.

    Cabe destacar, que mesmo após a realização da correição ordinária de 2021, a Corregedoria manteve contínuo o auxílio e a fiscalização das unidades correicionadas. O foco consistiu em acompanhar os trabalhos pós-correição e averiguar o grau de cumprimento das determinações estabelecidas em ata de correição, apresentando observações e orientações quanto às pendências identificadas para que o saneamento fosse providenciado pela unidade judiciária/administrativa.

    Assim, após a análise de todos os dados apresentados pela Vara durante a correição ordinária de 2022, foram realizadas reuniões entre a Corregedora Regional e o Juiz Titular e o Juiz Substituto responsáveis pela Vara, e entre a equipe de correição e os servidores e servidoras da unidade correicionada, para um feedback mais detalhado sobre as impressões verificadas e orientações lançadas em ata.

    1vtm2MagistradosA Ata de Correição foi lida na Secretaria da 1ª VTM, na presença da Desembargadora Corregedora Márcia Nunes da Silva Bessa, do Juiz Titular, Djalma Monteiro de Almeida, do Juiz do Trabalho Substituto, Júlio Bandeira de Melo Arce, do Diretor de Secretaria, Salim José Maia de Queiroz, da equipe de correição e dos demais servidores e servidoras lotados na Vara.

    A Corregedora, ainda, aproveita a oportunidade para consignar elogio aos magistrados e servidores em razão da evolução dos serviços judiciários aferidos entre a correição de 2021 e a do presente ano, exortando-os a prosseguir neste caminho.

    Ao encerrar os trabalhos, a Corregedora Regional agradeceu a participação de todos e todas, a gentileza dispensada à equipe, ressaltando que a missão primeira da Corregedoria é de orientação, aperfeiçoamento e efetividade da prestação jurisdicional.

    A ata de correição já está disponível no sistema PJeCor, no DEJT e no portal da Corregedoria no site deste Tribunal.

     

    Texto e fotos: Corregedoria Regional - Equipe de Correição

  • Corregedoria Regional realiza o curso PJeCor para magistrados e servidores dos Gabinetes e do Tribunal Pleno do TRT-11

    pjecor3Turma GabinetesPor solicitação da Desembargadora do Trabalho Márcia Nunes da Silva Bessa, Corregedora Regional do TRT da 11ª Região, o Núcleo de Formação e de Aperfeiçoamento do Servidor - NFAS realizou o curso sobre PJeCor - Módulo Gabinete e Tribunal Pleno no dia 18 de março de 2022. O curso foi realizado no formato telepresencial, ministrado pelo servidor Marcos Angiole Ferreira de Almeida, Diretor da Assessoria Jurídica da Corregedoria Regional, e contou com a participação dos magistrados e servidores dos Gabinetes e do Tribunal Pleno do TRT-11.

    O PJeCor é um sistema informatizado desenvolvido pelo Conselho Nacional de Justiça - CNJ, para ser utilizado por todas as corregedorias do Poder Judiciário, e tem por objetivo unificar e padronizar a tramitação dos procedimentos administrativos nesses setores, garantindo maior eficiência, transparência e economia na atuação dos órgãos correicionais.

    O seu uso foi regulamentado pela Resolução nº 320, de 18 de maio de 2020, e pelo Provimento nº 102, de 08 de junho 2020, ambos do Conselho Nacional de Justiça, e sua utilização passou a ser obrigatória, no âmbito da Corregedoria Regional do TRT-11, a partir de 15 de abril de 2021, consoante Provimento nº 01/2021/SCR.

    Diante disso, e considerando que os procedimentos da Corregedoria eventualmente poderão tramitar no âmbito do Tribunal Pleno, foi implementado no Tribunal, no início do ano de 2022, o módulo do PJeCor para o Tribunal Pleno e Gabinetes.

    Cabe ressaltar que, antes da realização do curso, os usuários do Tribunal Pleno e dos Gabinetes não haviam tido contato com o novo sistema, motivo pelo qual a Corregedoria Regional recomendou a participação dos servidores dessas unidades no referido curso PJeCor, para que pudessem conhecer as suas principais funcionalidades.

    pjecor1Turma Tribunal Pleno

     

    Conteúdo programático do curso:

    1. O que é o PJeCor. Regulamentação.

    2. Acesso ao sistema. Perfis de Acesso. Visão geral. 3. Utilização do sistema - módulo Tribunal Pleno. 3.1 Criar sala para sessão de julgamento. 3.2 Cadastrar sessão de julgamento. 3.3 Criar pauta de julgamento. 3.4 Realizar sessão de julgamento. 3.5 Encerrar sessão de julgamento. 4. Utilização do sistema - módulo Gabinetes. 4.1 Produzir minuta de voto. 4.2 Alterar voto, assinar relatório e liberar processo para inclusão em pauta. 4.3 Elaborar acórdão.

     

    Texto e fotos: Corregedoria Regional

  • Corregedoria Regional do TRT-11 divulga atualização do calendário de correições ordinárias de 2022

    calendarioA Corregedoria Regional do TRT da 11ª Região divulgou nesta segunda-feira (21/03) o calendário atualizado das correições ordinárias relativas ao ano de 2022. A alteração ocorreu em razão da superveniência da Correição Ordinária da Corregedoria-Geral da Justiça do Trabalho neste Tribunal, programada para o período de 09 a 13 de maio de 2022, e do interesse da Administração.

    O calendário pode ser acessado por meio da Biblioteca Digital deste TRT, bem como pela página da Corregedoria Regional.

     

     

     

     

     

    Texto: Corregedoria Regional - Equipe de Correição

  • Corregedoria Regional do TRT-11 realiza correição ordinária na 12ª Vara do Trabalho de Manaus

    12a vtm 2Magistrados e servidores - reunião presencialA Corregedoria Regional do TRT da 11ª Região realizou, nos dias 17 e 18 de março de 2022, correição ordinária anual, na modalidade híbrida, na 12ª Vara do Trabalho de Manaus. Os trabalhos correicionais foram conduzidos pela Corregedora Regional deste Tribunal, Desembargadora Márcia Nunes da Silva Bessa, acompanhada da equipe de servidores e servidoras da Corregedoria.

    Foram examinados os indicadores de desempenho, do acervo (ativos e arquivados), da movimentação processual, da gestão de Precatórios e Requisições de Pequeno Valor – RPV e de itens relativos ao quadro de pessoal.

    Da mesma forma foram objeto de exame as determinações/recomendações lançadas na ata correicional do ano de 2021, sendo ao final apresentado um quadro comparativo-conclusivo entre as correições ordinárias de 2021 e 2022.

    Cabe destacar que, mesmo após a realização da correição ordinária de 2021, a Corregedoria manteve contínuo o auxílio e a fiscalização das unidades correicionadas. O foco consistiu em acompanhar os trabalhos pós-correição e averiguar o grau de cumprimento das determinações estabelecidas em ata de correição, apresentando observações e orientações quanto às pendências identificadas para que o saneamento fosse providenciado pela unidade judiciária/administrativa.

    Assim, após a análise de todos os dados apresentados pela Vara durante a correição ordinária de 2022, foram realizadas reuniões entre a Corregedora Regional e o Juiz Titular e o Juiz Substituto responsáveis pela Vara, e entre a equipe de correição e os servidores e servidoras da unidade correicionada, para um feedback mais detalhado sobre as impressões verificadas e orientações lançadas em ata.

    A Ata de Correição foi lida na Secretaria da 12ª VTM, na presença da Desembargadora Corregedora Márcia Nunes da Silva Bessa, do Juiz Titular, Audari Mato Lopes, do Juiz do Trabalho Substituto, José Antônio Correa Francisco, do Diretor de Secretaria, Antonio Carlos Belém Taveira e da equipe de correição e, de forma remota, participaram da leitura da Ata os demais servidores e servidoras lotados na Vara.

    Ao encerrar os trabalhos, a Corregedora Regional agradeceu a participação de todos e todas, a gentileza dispensada à equipe, ressaltando que a missão primeira da Corregedoria é de orientação, aperfeiçoamento e efetividade da prestação jurisdicional.

    A ata de correição já está disponível no sistema PJeCor, no DEJT e no portal da Corregedoria no site deste Tribunal.

    12a vtm 1Magistrados e servidores - reunião virtual12a vtm 3Magistrados

     

    Texto e fotos: Corregedoria Regional - Equipe de Correição

  • Corregedoria Regional do TRT-11 realiza correição ordinária na 3ª Vara do Trabalho de Manaus

    Foto dos servidores e magistrados que participaram da atividade presencialMagistrados e servidores - reunião presencialA Corregedoria Regional do TRT da 11ª Região realizou, nos dias 10 e 11 de março de 2022, correição ordinária anual, na modalidade híbrida, na 3ª Vara do Trabalho de Manaus. Os trabalhos correicionais foram conduzidos pela Corregedora Regional deste Tribunal, Desembargadora Márcia Nunes da Silva Bessa, acompanhada da equipe de servidores e servidoras da Corregedoria.

    Foram examinados os indicadores de desempenho, do acervo (ativos e arquivados), da movimentação processual, da gestão de Precatórios e Requisições de Pequeno Valor – RPV e de itens relativos ao quadro de pessoal.

    Da mesma forma foram objeto de exame as determinações/recomendações lançadas na ata correicional do ano de 2021, sendo ao final apresentado um quadro comparativo-conclusivo entre as correições ordinárias de 2021 e 2022.

    Cabe destacar, que mesmo após a realização da correição ordinária de 2021, a Corregedoria manteve contínuo o auxílio e a fiscalização das unidades correicionadas. O foco consistiu em acompanhar os trabalhos pós-correição e averiguar o grau de cumprimento das determinações estabelecidas em ata de correição, apresentando observações e orientações quanto às pendências identificadas para que o saneamento fosse providenciado pela unidade judiciária/administrativa.

    Assim, após a análise de todos os dados apresentados pela Vara durante a correição ordinária de 2022, foram realizadas reuniões entre a Corregedora Regional e a Juíza Titular e o Juiz Substituto responsáveis pela Vara, e entre a equipe de correição e os servidores e servidoras da unidade correicionada, para um feedback mais detalhado sobre as impressões verificadas e orientações lançadas em ata.

    A Ata de Correição foi lida na Secretaria da 3ª VTM, na presença da Desembargadora Corregedora Márcia Nunes da Silva Bessa, da Juíza Titular, Ana Eliza Oliveira Praciano, do Juiz do Trabalho Substituto, Carlos Eduardo Mancuso, da Diretora de Secretaria, Áurea Lourdes Figueiredo Bezerra e da equipe de correição e, de forma remota, participaram da leitura da Ata os demais servidores e servidoras lotados na Vara.

    Ao encerrar os trabalhos, a Corregedora Regional agradeceu a participação de todos e todas, a gentileza dispensada à equipe, ressaltando que a missão primeira da Corregedoria é de orientação, aperfeiçoamento e efetividade da prestação jurisdicional.

    A ata de correição já está disponível no sistema PJeCor, no DEJT e no portal da Corregedoria no site deste Tribunal.

    Foto dos servidores e magistrados que participaram da atividade virtualServidores - reunião virtual

     

    Texto e fotos: Equipe de Correição - Corregedoria Regional

  • Corregedoria Regional do TRT-11 realiza correição ordinária na Vara do Trabalho de Itacoatiara

    vt itacoatiaraA Corregedoria Regional do TRT da 11ª Região realizou, no dia 04 de março de 2022, correição ordinária anual, na modalidade telepresencial, na Vara do Trabalho de Itacoatiara. Os trabalhos correicionais foram conduzidos pela Corregedora Regional deste Tribunal, Desembargadora Márcia Nunes da Silva Bessa, acompanhada da equipe de servidores e servidoras da Corregedoria.

    Foram examinados os indicadores de desempenho, do acervo (ativos e arquivados), da movimentação processual, da gestão de Precatórios e Requisições de Pequeno Valor – RPV e de itens relativos ao quadro de pessoal.

    Da mesma forma foram objeto de exame as determinações/recomendações lançadas na ata correicional do ano de 2021, sendo ao final apresentado um quadro comparativo-conclusivo pós-correição.

    Cabe destacar, que mesmo após a realização da correição ordinária de 2021, a Corregedoria manteve contínuo o auxílio e a fiscalização das unidades correicionadas. O foco consistiu em acompanhar os trabalhos pós-correição e averiguar o grau de cumprimento das determinações estabelecidas em ata de correição, apresentando observações e orientações quanto às pendências identificadas para que o saneamento fosse providenciado pela unidade judiciária/administrativa.

    Assim, após a análise de todos os dados apresentados pela Vara durante a correição ordinária de 2022, foram realizadas reuniões entre a Corregedora Regional e o Juiz Titular responsável pela Vara, e entre a equipe de correição e os servidores e servidoras da unidade correicionada, para um feedback mais detalhado sobre as impressões verificadas e orientações lançadas em ata.

    A Ata de Correição foi lida na presença do Juiz Titular da VT de Itacoatiara, Silvio Nazaré Ramos da Silva Neto, do Diretor de Secretaria, Bruno Sousa de Lima, e da equipe de servidores e servidoras da unidade judiciária correicionada.

    Ao encerrar os trabalhos, a Corregedora Regional agradeceu a participação de todos e todas, a gentileza dispensada à equipe, ressaltando que a missão primeira da Corregedoria é de orientação, aperfeiçoamento e efetividade da prestação jurisdicional.

    A ata de correição já está disponível no sistema PJeCor, no DEJT e no portal da Corregedoria no site deste Tribunal.

     

    Texto, foto e arte: Equipe de Correição - Corregedoria Regional

  • Corregedoria Regional do TRT-11 realiza correição ordinária na 6ª Vara do Trabalho de Manaus

    6ª Vara do Trabalho de ManausA Corregedoria Regional do TRT da 11ª Região realizou, nos dias 24 e 25 de fevereiro de 2022, correição ordinária anual, na modalidade telepresencial, na 6ª Vara do Trabalho de Manaus. Os trabalhos correicionais foram conduzidos pela Corregedora Regional deste Tribunal, Desembargadora Márcia Nunes da Silva Bessa, acompanhada da equipe de servidores e servidoras da Corregedoria.

    Foram examinados os indicadores de desempenho, do acervo (ativos e arquivados), da movimentação processual, da gestão de Precatórios e Requisições de Pequeno Valor - RPV e de itens relativos ao quadro de pessoal.

    Da mesma forma foram objeto de exame as determinações/recomendações lançadas na ata correicional do ano de 2021, sendo ao final apresentado um quadro comparativo-conclusivo entre as correições ordinárias de 2020 e 2021.

    Cabe destacar, que mesmo após a realização da correição ordinária de 2021, a Corregedoria manteve contínuo o auxílio e a fiscalização das unidades correicionadas. O foco consistiu em acompanhar os trabalhos pós-correição e averiguar o grau de cumprimento das determinações estabelecidas em ata de correição, apresentando observações e orientações quanto às pendências identificadas para que o saneamento fosse providenciado pela unidade judiciária/administrativa.

    Assim, após a análise de todos os dados apresentados pela Vara durante a correição ordinária de 2022, foram realizadas reuniões entre a Corregedora Regional e a Juíza Titular e o Juiz Substituto responsáveis pela Vara, e entre a equipe de correição e os servidores e servidoras da unidade correicionada, para um feedback mais detalhado sobre as impressões verificadas e orientações lançadas em ata.

    A Ata de Correição foi lida na presença da Juíza Titular da 6ª VTM, Mônica Silvestre Rodrigues, do Juiz do Trabalho Substituto, Daniel Carvalho Martins, do Diretor de Secretaria, Silvio Roberto de Assis Sena, e da equipe de servidores e servidoras da unidade judiciária correicionada.

    Ao encerrar os trabalhos, a Corregedora Regional agradeceu a participação de todos e todas, a gentileza dispensada à equipe, ressaltando que a missão primeira da Corregedoria é de orientação, aperfeiçoamento e efetividade da prestação jurisdicional.

    A ata de correição já está disponível no sistema PJeCor, no DEJT e no portal da Corregedoria no site deste Tribunal.

  • Corregedoria Regional do TRT-11 realiza correição ordinária na 9ª Vara do Trabalho de Manaus

    9a vtmA Corregedoria Regional do TRT da 11ª Região realizou, nos dias 17 e 18 de fevereiro de 2022, correição ordinária anual, na modalidade telepresencial, na 9ª Vara do Trabalho de Manaus. Os trabalhos correicionais foram conduzidos pela Corregedora Regional deste Tribunal, Desembargadora Márcia Nunes da Silva Bessa, acompanhada da equipe de servidores e servidoras da Corregedoria.

    Foram examinados os indicadores de desempenho, do acervo (ativos e arquivados), da movimentação processual, da gestão de Precatórios e Requisições de Pequeno Valor – RPV e de itens relativos ao quadro de pessoal.

    Da mesma forma foram objeto de exame as determinações/recomendações lançadas na ata correicional do ano de 2021, sendo ao final apresentado um quadro comparativo-conclusivo entre as correições ordinárias de 2020 e 2021.

    Cabe destacar que, mesmo após a realização da correição ordinária de 2021, a Corregedoria manteve contínuo o auxílio e a fiscalização das unidades correicionadas. O foco consistiu em acompanhar os trabalhos pós-correição e averiguar o grau de cumprimento das determinações estabelecidas em ata de correição, apresentando observações e orientações quanto às pendências identificadas para que o saneamento fosse providenciado pela unidade judiciária/administrativa.

    Assim, após a análise de todos os dados apresentados pela Vara durante a correição ordinária de 2022, foram realizadas reuniões entre a Corregedora Regional e a Juíza Titular e o Juiz Substituto responsáveis pela Vara, e entre a equipe de correição e os servidores e servidoras da unidade correicionada, para um feedback mais detalhado sobre as impressões verificadas e orientações lançadas em ata.

    A Ata de Correição foi lida na presença da Juíza Titular da 9ª VTM, Carolina de Souza Lacerda Aires França, do Juiz do Trabalho Substituto, Igo Zany Nunes Corrêa, do Diretor de Secretaria, Lucas de Menezes Vidal, e da equipe de servidores e servidoras da unidade judiciária correicionada.

    Ao encerrar os trabalhos, a Corregedora Regional agradeceu a participação de todos e todas, a gentileza dispensada à equipe, ressaltando que a missão primeira da Corregedoria é de orientação, aperfeiçoamento e efetividade da prestação jurisdicional.

    A ata de correição já está disponível no sistema PJeCor, no DEJT e no portal da Corregedoria no site deste Tribunal.

  • Corregedoria Regional do TRT 11 realiza correição ordinária na 19ª Vara do Trabalho de Manaus

    Correicao 19a VTMA Corregedoria Regional do TRT da 11ª Região realizou, nos dias 10 e 11 de fevereiro de 2022, correição ordinária anual, na modalidade telepresencial, na 19ª Vara do Trabalho de Manaus. Os trabalhos correicionais foram conduzidos pela Corregedora Regional deste Tribunal, Desembargadora Márcia Nunes da Silva Bessa, acompanhada da equipe de servidores e servidoras da Corregedoria.

    Foram examinados os indicadores de desempenho, do acervo (ativos e arquivados), da movimentação processual, da gestão de Precatórios e Requisições de Pequeno Valor – RPV e de itens relativos ao quadro de pessoal.

    Da mesma forma foram objeto de exame as determinações/recomendações lançadas na ata correicional do ano de 2021, sendo ao final apresentado um quadro comparativo-conclusivo entre as correições ordinárias de 2020 e 2021.

    Cabe destacar, que mesmo após a realização da correição ordinária de 2021, o acompanhamento das atividades na unidade judiciária continuou sendo realizado por esta Corregedoria, no intuito de orientar na resolução das pendências porventura existentes.

    Assim, após a análise de todos os dados apresentados pela Vara durante a correição foram realizadas reuniões entre a Corregedora Regional e a Juíza Titular e o Juiz Substituto responsáveis pela Vara, e entre a equipe de correição e os servidores e servidoras da unidade correicionada, para um feedback mais detalhado sobre as impressões verificadas e orientações lançadas em ata.

    A Ata de Correição foi lida na presença da Juíza Titular da 19ª VTM, Eulaide Maria Vilela Lins, do Juiz do Trabalho Substituto, Vitor Graciano de Souza Maffia Eulaide, do Diretor de Secretaria, William Jander da Cruz Gonçalves, e da equipe de servidores e servidoras da unidade judiciária correicionada.

    A Corregedora Regional parabeniza a Juíza do Trabalho Titular e o Juiz do Trabalho Substituto, bem como a equipe de servidores e servidoras, pelo excelente desempenho no cumprimento das metas de 2021, bem como pelo trabalho diligente no sentido da prestação jurisdicional mais célere e efetiva, o que demonstra comprometimento com os valores e missão da Justiça do Trabalho.

    Ao encerrar os trabalhos, a Corregedora Regional agradeceu a participação de todos e todas, a gentileza dispensada à equipe, ressaltando que a missão primeira da Corregedoria é de orientação, aperfeiçoamento e efetividade da prestação jurisdicional.

    A ata de correição já está disponível no sistema PJeCor, no DEJT e no portal da Corregedoria no site deste Tribunal.


  • Corregedoria Regional do TRT-11 divulga calendário de correições ordinárias de 2022

    A modalidade das correições dependerá do estágio da pandemia de COVID-19 à época correcional em cada unidade.

    20A Corregedoria Regional do TRT da 11ª Região divulga o calendário das correições ordinárias anuais relativas ao ano de 2022, a serem conduzidas pela corregedora regional, desembargadora Márcia Nunes da Silva Bessa, acompanhada da equipe de servidores e servidoras da Corregedoria.

    Da mesma forma que em 2021, as correições continuarão a tramitar pelo Sistema PJeCor, do Conselho Nacional de Justiça, no ano corrente.

    A modalidade de cada correição, contudo, será definida na publicação dos editais de correição. A escolha da modalidade ficará a cargo da corregedora regional, a qual considerará o estágio da pandemia de COVID-19 na época designada para as atividades correicionais nas respectivas unidades, conforme os boletins epidemiológicos do momento.

    De acordo com a desembargadora corregedora, o calendário de correições foi elaborado considerando a conveniência administrativa, o lapso temporal desde a correição anterior, a escala de férias dos magistrados publicada na Portaria nº 440/2021/SGP e o calendário de atividades da justiça itinerante.

    A magistrada salienta, ainda, que o calendário divulgado poderá sofrer modificações pela superveniência de fatores como eventos institucionais ou no interesse da Administração, sendo amplamente divulgado com antecedência.

    As correições foram designadas da seguinte forma:

    Fevereiro: 19ª VTM, 9ª VTM e 6ª VTM;
    Março: VT de Itacoatiara, 3ª VTM, 12ª VTM e 1ª VTM;
    Abril: VT de Eirunepé;
    Maio: VT de Parintins, 2ª VTM e 14ª VTM;
    Junho: VT de Presidente Figueiredo, 4ª VTM, Seção de Distribuição de Mandados Judiciais de Manaus, 18ª VTM e 17ª VTM;
    Julho: 5ª VTM, VT de Tabatinga, Diretoria do Fórum Trabalhista de Manaus, órgãos administrativos (Núcleo de Distribuição dos Feitos, CEJUSC de 1º grau e Diretoria do Fórum) e 1ª, 2ª e 3ª VTs de Boa Vista;
    Agosto: 15ª VTM, VT de Manacapuru, Núcleo de Distribuição de Feitos de Manaus e VT de Tefé;
    Setembro: 13ª VTM, 16ª VTM, Núcleo de Apoio à Execução e de Cooperação Judiciária (NAE-CJ), VT de Lábrea e 11ª VTM;
    Outubro: VT de Humaitá, 8ª VTM e CEJUSC de 1º grau de Manaus;
    Novembro: VT de Coari, 10ª VTM e 7ª VTM.

    Sobre as correições ordinárias

    A correição ordinária anual está prevista no art. 34, II e VIII, do Regimento Interno deste Tribunal, sendo encargo da Corregedoria Regional.

    Constitui-se de atividade administrativa de monitoramento, fiscalização, correção de procedimentos, prescrição de recomendações e orientações, além de funcionar como instrumento de apresentação de demandas administrativas pelas unidades correicionadas.

    No período correicional, são examinados os indicadores de desempenho, o acervo (processos ativos e arquivados), a movimentação processual, a gestão de precatórios e requisições de pequeno valor – RPV, itens relativos ao quadro de pessoal e os procedimentos concernentes ao trâmite processual adotados pela unidade.

    Neste biênio administrativo, a Corregedoria Regional incluiu nas atividades correicionais a pesquisa de clima organizacional. Com o foco no bem estar da equipe de 1° grau e em conjunto com a Seção de Saúde deste Tribunal, a análise serve para avaliar o clima organizacional, com o objetivo de fornecer subsídios aos gestores para aprimorar a gestão de pessoas, melhorar o clima setorial e estabelecer o senso de pertencimento de servidores e servidoras à unidade judiciária.

    PARA ACESSAR O CALENDÁRIO DE CORREIÇÕES DE 2022, CLIQUE AQUI . 

    ASCOM/TRT11
    Texto: Corregedoria
    Arte: Renard Batista
    Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
    Permitida a reprodução mediante citação da fonte.

  • Ferramenta que moderniza a rotina das Varas do Trabalho conta com a colaboração do TRT-11

    A Plataforma WikiVT é a ferramenta colaborativa que representa ganho para o cidadão na busca de uma justiça mais célere e efetiva.

    3Uma ferramenta de gestão do conhecimento, acessível na internet e que facilita a rotina nas unidades judiciárias de primeiro grau da Justiça do Trabalho, conta com a colaboração do Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região – Amazonas e Roraima (TRT-11). Trata-se da Plataforma WikiVT, cujo projeto foi desenvolvido pelo grupo técnico de atualização e manutenção do Fluxo Nacional Otimizado de Procedimentos em Primeira Instância. Ao aprimorar os procedimentos nas Varas do Trabalho, a WikiVT representa um ganho para o cidadão na busca de uma justiça mais célere e efetiva.

    Em evento virtual realizado no dia 10/12, o corregedor-geral da Justiça do Trabalho, ministro Aloysio Corrêa da Veiga, fez o lançamento simbólico da ferramenta atualizada em 2021, que descreve e orienta as rotinas das secretarias das varas. O ministro traçou um breve histórico do projeto aprovado em outubro de 2017, durante encontro do Colégio de Presidentes e Corregedores dos Tribunais Regionais do Trabalho (Coleprecor), concluído em maio de 2018 e lançado em setembro do mesmo ano.

    Além de simplificar e modernizar as atividades das Varas, a plataforma aprimora as rotinas de trabalho com fluxogramas que contêm informações sobre a descrição do processo de trabalho (regras de negócio), regras técnicas (como utilizar o PJe), regras do e-Gestão (movimentos a serem lançados), normativos pertinentes e sugestões de modelos de documentos.

    A colaboração do TRT-11 ocorre por intermédio da participação das servidoras Nereida Martins Lacerda (diretora da Corregedoria), Valdecimar Brito Maciel (diretora de secretaria da 7ª Vara do Trabalho de Manaus) e Cibele Marques Pontes Rabelo (assistente do gabinete da desembargadora Márcia Nunes da Silva Bessa), que compõem o grupo formado para atualização e manutenção da plataforma.

    Todos os servidores e magistrados da Justiça do Trabalho estão habilitados a navegar na ferramenta. O acesso pode ser feito mediante login e senha, no seguinte endereço: https://fluxonacional.jt.jus.br/

     

    Confira AQUI o passo a passo para acessar a VikiVT. 

     

     

    ASCOM/TRT11
    Texto: Paula Monteiro
    Imagem: Logo do Fluxo Nacional da Justiça do Trabalho Primeira Instância
    Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
    Permitida a reprodução mediante citação da fonte.

  • TRT-11 premia boas práticas e entrega selo de qualidade às Varas do Trabalho

    A Corregedoria Regional realizou cerimônia de premiação na última terça-feira (7/12).

    935Em cerimônia presencial realizada na manhã da última terça-feira (7/12), a Corregedoria do Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região – Amazonas e Roraima (TRT-11) realizou a premiação do IV Concurso de Boas Práticas e fez a entrega anual do Selo 11 às Varas do Trabalho nas categorias Ouro, Prata e Bronze. De forma inédita, também premiou o mérito individual, que reconhece o desempenho de magistrados e servidores, verificado por ocasião das correições anuais.O evento ocorreu no Fórum Trabalhistas de Manause foi transmitido ao vivo pelo YouTube.

    Na abertura, a presidente do TRT-11, desembargadora Ormy da Conceição Dias Bentes, falou sobre a relevância de estimular Varas do Trabalho, magistrados e servidores na busca do aperfeiçoamento constante, a fim de garantir o serviço de excelência aos jurisdicionados. Também destacou a importância das práticas inovadoras, que servem de inspiração e permitem o compartilhamento de ideias no âmbito do TRT-11 e com outros tribunais.

    Na sequência, a corregedora do TRT-11, desembargadora Márcia Nunes da Silva Bessa,fez questão de registrar que a Corregedoria Regional reconhece e enaltece o trabalho realizado pela Varas do Trabalho de Manaus, de Boa Vista e do interior do Amazonas. Antes da divulgação dos resultados do Selo 11, informouque, em 2021, nenhuma unidade judiciária alcançou a pontuação da categoria Diamante (a partir de 901 pontos), o que se explica pelo duro impacto da pandemia e a necessidade de distanciamento social.

    O evento teve o apoio da Secretaria das Pessoas com Deficiência no Estado do Amazonas (Seped) e da Secretaria de Cultura do Amazonas (SEC), que disponibilizaram o intérprete de Libras, o mestre de cerimônias e a atração musical. No encerramento, o público foi presenteado com a apresentação do grupo Gaponga, que mescla música e poesia em seus shows, além de usar bioinstrumentos que remetem aos sons da Amazônia.

    Confira os premiados:

    Ouro
    2ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    4ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    7ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    15ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    18ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    19ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    1ª VARA DO TRABALHO DE BOA VISTA
    2ª VARA DO TRABALHO DE BOA VISTA
    3ª VARA DO TRABALHO DE BOA VISTA
    VARA DO TRABALHO DE COARI
    VARA DO TRABALHO DE EIRUNEPÉ
    VARA DO TRABALHO DE LÁBREA
    VARA DO TRABALHO DE PRESIDENTE FIGUEIREDO
    VARA DO TRABALHO DE TEFÉ

    Prata
    1ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    3ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    5ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    6ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    8ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    10ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    11ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    12ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    13ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    16ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    17ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    VARA DO TRABALHO DE HUMAITÁ
    VARA DO TRABALHO DE MANACAPURU
    VARA DO TRABALHO DE TABATINGA

    Bronze
    9ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    14ª VARA DO TRABALHO DE MANAUS
    VARA DO TRABALHO DE ITACOATIARA

    Mérito Individual – Magistrado(a)
    Samira Márcia Zamagna Akel (juíza titular da 2ª Vara d Trabalho de Boa Vista)
    Caroline Pitt (juíza substituta no exercício da titularidade da 7ª Vara do Trabalho de Manaus)
    Sandra diMaulo (juíza titular da 8ª Vara do Trabalho de Manaus)
    Selma Thury Vieira Sá Hauache (juíza titular da 18ª Vara do Trabalho de Manaus)

    Mérito Individual – Servidor(a)
    Adilcea da Silva Maciel (diretora de secretaria da 2ª Vara d Trabalho de Boa Vista)
    Valdecimar Brito Maciel (diretora de secretaria da 7ª Vara d Trabalho de Manaus)
    Angélica Wandermurem Bomfim Ramos (diretora de secretaria da 8ª Vara d Trabalho de Manaus)
    MarceloAugusto Alves Krichanã (diretor de secretaria da 18ª Vara d Trabalho de Manaus)

    IV Concurso de Boas Práticas
    1º lugar: Vitor Soares dos Santos (servidor da 2ª Vara do Trabalho de Boa Vista) -Bot (Robô) de atendimento automático pelo Whatsapp;
    2º lugar: Eulaide Maria Vilela Lins (juíza titular da 19ª Vara do Trabalho de Manaus) – Google chat: comunicação interna telepresencial, atribuição e controle de tarefa;
    3º lugar - Felipe do Nascimento de Souza (servidor da Corregedoria Regional) –Nova sistemática de controle e organização da movimentação de magistrados do TRT-11.

    Acesse a galeria de fotos. https://flickr.com/photos/trt11/albums/72157720214968514
    Assista à cerimônia completa no YouTube do TRT-11.

    ASCOM/TRT11
    Texto: Paula Monteiro
    Fotos: Diego Xavier
    Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
    Permitida a reprodução mediante citação da fonte.

     
     
  • TRT-11 premiará boas práticas e Varas do Trabalho que se destacaram em 2021 no dia 7/12

    A Corregedoria Regional realizará a cerimônia de premiação no Fórum Trabalhista de Manaus com transmissão ao vivo pelo YouTube

    923

    As práticas inovadoras e as Varas do Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região - AM/RR (TRT-11) com os melhores desempenhos em 2021 serão conhecidas na próxima terça-feira (7/12). A Corregedoria Regional realizará a cerimônia de premiação no Fórum Trabalhistas de Manaus, a partir das 9h. Devido às medidas de segurança por conta da pandemia da covid-19, o evento presencial terá público reduzido e transmissão ao vivo pelo canal do TRT-11 no YouTube.

    A premiação – que se refere ao Selo 11 e ao Concurso de Boas Práticas – contará com a presença da presidente do TRT-11, desembargadora Ormy da Conceição Dias Bentes, e da corregedora regional, desembargadora Márcia Nunes da Silva Bessa, entre outras autoridades. O evento tem o apoio da Secretaria das Pessoas com Deficiência no Estado do Amazonas (Seped) e da Secretaria de Cultura do Amazonas (SEC), que disponibilizaram o intérprete de Libras, o mestre de cerimônias e a atração musical. O público será presenteado com a apresentação do grupo Gaponga, que mescla música e poesia em seus shows.

    Selo 11

    Em 2017, o Selo 11 foi criado em reconhecimento ao desempenho das Varas do Trabalho do TRT da 11ª Região. A análise leva em conta a ótica da produção, gestão, organização e disseminação das informações administrativas e processuais. Este ano, de forma inédita, também serão agraciados magistrados e servidores. A novidade tem o objetivo de destacar, incentivar e reconhecer o desempenho nas atividades, verificado pela Corregedoria Regional por ocasião das correições anuais. Em julho deste ano, o Ato Conjunto n. 17/2021, da Presidência e da Corregedoria Regional, estabeleceu novos critérios para a outorga do selo, que são analisados por uma comissão avaliadora. São quatro categorias, definidas conforme a pontuação: Diamante, Ouro, Prata e Bronze.

    De acordo com a presidente do TRT-11, os novos critérios visam estimular a melhoria constante do desempenho das Varas do Trabalho e, ao mesmo tempo, reconhecer o mérito de magistrados e servidores que se dedicam diariamente à prestação de um serviço de excelência aos jurisdicionados do Amazonas e de Roraima. A corregedora do TRT-11 explica que as alterações estão em consonância com o Plano de Gestão da Corregedoria que, ao lado do aperfeiçoamento da atividade jurisdicional em busca da excelência, propõe estimular o crescimento profissional e pessoal de magistrados e servidores.

    Boas Práticas
    Em sua quarta edição, o Concurso Boas Práticas foi criado pela Corregedoria Regional com o objetivo de premiar as iniciativas inovadoras que comprovem o uso racional de recursos, promovendo a otimização de processos e a qualidade dos serviços das Varas do Trabalho. As boas práticas são, ainda, ações que servem de referência para reflexão e aplicação em outros locais de trabalho.


    Confira o Ato Conjunto n. 17/2021, que define os novos critérios de premiação

     

    ASCOM/TRT11
    Texto: Paula Monteiro, com informações da Corregedoria Regional
    Arte: Renard Batista
    Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
    Permitida a reprodução mediante citação da fonte.

Nova Logo Trabalho Seguro 02

Banner Programa de combate ao trabalho infantil

PJe 2 02

icones logo 3

icones logo 2