645Corregedora do TRT11 e equipe foram recepcionadas pelos magistrados e servidores da 19ª VTM

A Corregedoria do Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região – Amazonas e Roraima (TRT11) procedeu à correição ordinária na 19ª Vara do Trabalho de Manaus no dia 11 de outubro de 2019. A Corregedora Ouvidora, Desembargadora Ruth Barbosa Sampaio, e sua equipe, foram recebidos pelos Juízes do Trabalho Eulaide Maria Vilela Lins e Vítor Graciano de Souza Maffia, Titular e Substituto, respectivamente, bem como, pelos demais servidores lotados na Vara.
Destaques
A correição tomou como referência informações extraídas do Sistema Processo Judicial Eletrônico (PJe), Sistema de Gestão de Recursos Humanos - SGRH, bem como dos dados estatísticos aferidos durante o período de julho/2018 a setembro/2019, ocasião em que foi ratificada a relevância do trabalho realizado pela Vara correicionada que se destacou por figurar dentre as 100 varas com melhor desempenho no país, segundo o Índice Nacional de Gestão de Desempenho da Justiça do Trabalho - IGEST de março/2019, pelo  cumprimento das Metas Nacionais nº 1, 2, 3, 6, 7(TRT e Vara) do Conselho Nacional de Justiça – CNJ e Meta Específica da Justiça do Trabalho;  Pelo excelente prazo alcançado na fase de conhecimento, do ajuizamento até a realização da primeira audiência (36,29 dias no Rito Sumaríssimo e 51,10 dias no Ordinário); pelo empenho em sanar as pendências dos incidentes processuais da vara; Pelas boas práticas adotadas na Vara, como a realização de pauta temática com escopo de ouvir as mesmas partes e testemunhas e cujo polo passivo e matéria sejam idênticas ou englobantes; Utilização de pauta temática: audiências inaugurais dos processos cujas reclamadas foram notificadas por meio de EDITAL, são reunidos em um único dia, haja vista a impossibilidade de acordo entre as partes litigantes; Monitoramento diário dos agrupadores do PJe; Despacho diário das petições e expedição e assinatura diárias de alvarás; Utilização de Decisão/Despacho com força de Ofícios/Mandados; e Reutilização do material de expediente, no sentido de evitar impressões desnecessárias, resultando em economia de papel; bem como pela participação de magistrados e servidores nos cursos de capacitação.
A 19ª VTM arrecadou R$ 1.956.947,51 a título de custas processuais, emolumentos, contribuição previdenciária e Imposto de Renda e obteve a média de 1,19 dias para proferir sentença a partir da conclusão dos autos.
A Desembargadora Corregedora e Ouvidora RUTH BARBOSA SAMPAIO fez elogios à atuação dos Juízes Eulaide Maria Vilela Lins e Vítor Graciano de Souza Maffia e servidores, bem como, conclamou todos da Vara para que envidassem esforços para manter o padrão alcançado.

644Corregedora e Ouvidora do TRT11, Desembargadora Ruth Barbosa Sampaio acompanhada da Juíza Titular Eulaide Maria Vilela Lins e do Juiz Substituto Vítor Graciano de Souza Maffia, durante a Correição Ordinária

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

ASCOM/TRT11
Texto e fotos: Corregedoria do TRT11
Esta matéria tem caráter informativo, sem cunho oficial.
Permitida a reprodução mediante citação da fonte.
Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.
Tel. (92) 3621-7238/7239